Salvador em 1930

Acima, outra foto de Salvador publicada na mesma revista, em 1942 (clique nela para ampliar).

À esquerda, mais uma foto publicada na revista, em dezembro de 1930, em artigo com o título Gigantic Brazil and Its Glittering Capital [Rio de Janeiro], foto de Jacob Gayer. O Elevador Lacerda ficou fora da foto provavelmente porque sua segunda torre estava em construção.

Embaixo, o Cristo Redentor de Salvador, em foto da mesma revista do parágrafo anterior, em seu antigo local. O Cristo de Salvador é 11 anos mais antigo que o do Rio de Janeiro. É uma obra do escultor italiano Pasquale De Chirico.

 

Esta incrível fotografia aérea do Centro Histórico de Salvador foi tomada pelo famoso fotógrafo Albert William Stevens, publicada no The National Geographic Magazine, em janeiro de 1931 (vol. LIX, nº 1), em artigo do escritor estadunidense Frederick Simpich (1878-1950), intitulado Skypaths Through Latin America - Flying From Our Nation's Capital Southward Over Jungles, Remote Islands, and Great Cities on an Aërial Survey of the East Coast of South America.

Note que o Elevador Lacerda estava em seus últimos acabamentos, após a construção da segunda torre. O prédio da Imprensa Oficial, na Praça Thomé de Sousa, estava em construção.

A Praça da Sé ainda não existia, pois a Sé Primacial estava lá. Esta é uma das raras fotos aéreas em que se pode ver aquela área com seus antigos prédios, embora sem nitidez. Veja outras fotos aéreas antigas dessa área: em 1931 e 1933.

 

Fotografia de Albert William Stevens para o The National Geographic Magazine, veja texto abaixo. À direita, o título original desta foto.

 

História de Salvador

 

Cristo Redentor

 

Salvador aerea antiga

 

Cidade Salvador

 

Bahia

 

Mercado Modelo

 

 

Copyright © Guia Geográfico - Bahia antiga.

Centro Histórico de Salvador.

 

Titulo